Novidades

de mão

O que posso levar na mala/bagagem de mão?

Esta é uma dúvida quase unânime dos viajantes!

Primeiramente, nos voos domésticos dentro do Brasil, as malas de mão não podem ultrapassar 5kg, tampouco, 115 cm; somando a altura, a largura e o comprimento. Pela minha experiência, nunca vi um funcionário que tenha feito a pesagem e/ou a medição de alguma bagagem de mão no momento do check-in. O máximo que já aconteceu comigo foi aquela perguntinha: “é essa a sua mala de mão?”, seguida de uma conferida pelo olhar.

Mas, claro que isso não exclui a possibilidade de algum comissário verificar se a sua mala de mão está de acordo com os padrões. Portanto, não exagere e nem abuse da boa vontade das companhias aéreas e, muito menos, dos outros passageiros. Afinal, todo mundo tem o direito de guardar sua mala de mão nos bagageiros localizados acima dos assentos e se você for sem noção e levar uma mala enorme, vai acabar comprometendo um espaço que outra pessoa poderia utilizar.

Um pouquinho de bom senso sempre é bom, não é?

Voltando à pergunta inicial, na forma negativa, que gera maiores confusões: o que não podemos levar na mala de mão?

Existem vários itens que são vedados por qualquer companhia aérea e destinos, e outros específicos para cada companhia e lugar. Para evitar a perda de alguns itens por desinformação, informe-se anteriormente à viagem diretamente com a companhia aérea.

Em todo caso, vou citar algumas coisas que estão terminantemente proibidas de levar na mala de mão para vocês terem uma ideia: navalha, lâmina de barbear, sapatos de salto alto, agulha de tricô e de crochê, facas, tesouras, bisturis, seringas e agulhas,  bebidas alcóolicas e líquidos não adquiridos no Duty Free, ferramentas universais, substâncias químicas e tóxicas, materiais explosivos e inflamáveis, líquidos e géis em embalagens superiores à 100ml, entre outros.

Para facilitar: não é permitido levar itens perfurocortantes, químicos, tóxicos, explosivos e inflamáveis, ou seja, capazes de machucar ou matar alguém, o que é perfeitamente compreensível.

O que causa o maior desentendimento dos viajantes é o motivo de não podermos levar produtos líquidos ou de gel (como desodorantes, cremes dentais, shampoos, condicionadores, perfumes, esmaltes, colírios, etc.) em embalagens superiores à 100ml.

O motivo é o seguinte: não sei! Toda vez que eu viajo eu faço essa pergunta na esperança de entender a razão, mas todos se limitam a responder: “por segurança”. Eu não vou desistir de descobrir o que leva uma embalagem superior à 100ml ser perigosa e/ou insegura! Assim que eu souber vou contar para vocês! Algum de vocês por acaso já sabe? Se sim, por favor acabe com essa dúvida nos comentários abaixo!

Lembrem-se: não importa a quantidade do líquido ou do gel, mas sim a capacidade da embalagem/frasco! Se vocês levarem o restinho do seu perfume em uma embalagem de 125ml, vocês não poderão levá-lo.

Outra coisa, os líquidos e géis em frascos com capacidade inferior à 100ml devem ser transportados dentro um saco plástico vedado por zip. Cada passageiro tem direito a levar apenas um saco plástico com volume máximo de 1 litro, e os itens devem caber confortavelmente dentro dele. Caso os agentes de segurança achem que está muito cheio, eles poderão mandar tirar alguns deles e, sim, você vai perdê-los para sempre.

Sei que é chato ter que passar por isso, mas é uma norma de segurança obrigatória na maioria dos países, então nos resta obedece-la e deixar para levar os itens proibidos na bagagem despachada.

Ficou alguma dúvida? Perguntem nos comentários baixo ou por aqui.

Advogada por profissão, escritora por hobby e viajante por paixão.